Seção Agroindústria protesta contra suspensão do serviço de transporte

Notícias

A diretoria da Seção Sindical e os trabalhadores da Embrapa Agroindústria de Alimentos realizaram na manhã desta terça-feira (1º/8) um ato de protesto em frente à empresa, contra a suspensão do serviço de transporte dos empregados.

Segundo a direção da Seção Sindical, cerca de 70 trabalhadores da unidade utilizam o serviço, que está previsto no Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) há mais de 30 anos. O traslado é feito no início e no final da jornada para levar os empregados de su\as residências para a empresa e vice-versa.

De acordo com o secretário-geral da Seção, David de Oliveira, “em reunião realizada com a chefia da unidade, os trabalhadores foram avisados de que, devido às restrições orçamentárias impostas pelo governo federal, a Embrapa teve que optar por um corte de despesa que não paralisasse o andamento das atividades de pesquisa e, com isso, cortou o transporte”.


“A unidade sofreu uma restrição bem severa. Além dos empregados, bolsistas e estagiários utilizam o serviço e também serão prejudicados. A Seção Sindical já protocolou uma ação na Justiça do Trabalho alegando que a empresa está descumprindo a cláusula do ACT vigente, que assegura aos trabalhadores esse serviço”, afirmou David.

Fonte: DN

17:12:44

2017-08-01

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *