17ª Plenária Nacional decide destinação da Contribuição Sindical 2015

Notícias

Após análise do balanço contábil de 2014, apresentação das despesas fixas mensais do SINPAF Nacional e da proposta orçamentária, os participantes intensificaram ainda mais os debates, na tarde desta quinta-feira (16), acerca de diversos temas de interesse da categoria.

Por maioria dos votos, os delegados deliberaram sobre a destinação da taxa de Contribuição Sindical 2015. O valor da contribuição do filiado será destinado 50% para a Diretoria Nacional, com rubrica específica para Formação Sindical, Saúde do Trabalhador e Campanha Salarial, e os outros 50% para as Seções Sindicais, que decidirão o destino da verba.

Já o valor da contribuição do não filiado será destinado integralmente para compensação de perdas dos dirigentes sindicais e Campanha Salarial.

Formação Sindical – o diretor da pasta, Carlos Bernardi, apresentou a proposta de formação da base, dos dirigentes sindicais e da Diretoria Nacional. Os delegados chegaram ao consenso de que o SINPAF necessita avançar ainda mais na realização desses cursos para que a categoria acompanhe as recentes mudanças do movimento sindical, social e da luta de classe.


Saúde do Trabalhador- O destaque da pasta foi a apresentação do programa para realização do 3° Seminário Nacional. O tema deste ano será “Avanços, dificuldades e desafios da Saúde do Trabalhador”. Um diretor de cada Seção Sindical poderá participar do evento, que acontecerá nos dias 8, 9 e 10 de julho, em Brasília.
Política e prevenção, processo capitalista e saúde do trabalhador, assédio moral e normas de segurança também vão fazer parte da pauta do seminário.

Insalubridade – O diretor jurídico do SINPAF, Flávio José, sugeriu que cada Seção Sindical ingresse com ação judicial requerendo o cumprimento do Acordo Coletivo em relação ao percebimento do adicional de insalubridade correspondente a atividade desenvolvida, inclusive com pedido de pagamento retroativo.

Diretoria de Divulgação e Imprensa

08:06:37

2015-04-17

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *